sexta-feira, dezembro 11, 2009

EFEITO MORAL - POEMA

mando esse poema pra dar uma força pra minha amiga CamiLuaLeão, lá de Brasília, atingida não apenas pelas denúncias de imoralidade, corrupção e injustiça que cerca a sua cidade - FORA ARRUDA! - mas também pelas bombas, cacetetes, pernas roxas, ZOOOM nas orelhas, dedos quebrados e outros ferimentos, não apenas físicos.

força aí, FIONA. beijo e abraço.

EFEITO MORAL
(Rodrigo Ciríaco)

Bomba!
Expressivo artefato explosivo
Que se diz Inocente
De todas as acusações de mortes e ferimentos
Provocadas por suas explosões e estilhaços.
Afirma respeitar
A conduta e integridade física
De todos os manifestantes
Agindo apenas
Moralmente
Para garantir a continuidade
Da pacífica ordem
E do vantajoso
Progresso.
Sem indicações de efeitos colaterais.
Diz ser tão inofensiva
Quanto ler um poema!

Um comentário:

Lua da Paz disse...

SE ESSA PORRA NÃO MUDAR
OLÊ OLÊ OLÁ

BRASÍLIA VAI PARAR!!

A revolução não se faz em só um dia, mas ela tá adiada há anos!
Tem que prosseguir! Sociedade é burra, precisa de um cutucaão desses, só se move quando é "Só" dinheiro envolvido! TEM QUE APROVEITAR!!!

Mas as causas são outras e bem maiores!